HPE OneSphere
Navigation
Topo

Nasa planeja estratégias para proteger a Terra de asteroides

Bem-aceita entre as hipóteses de extinção dos dinossauros, a queda de um asteroide na Terra pode ser uma ameaça recorrente. Para além das produções de ficção científica, o fenômeno é, sim, considerado um perigo real. Afinal, o planeta não está livre de se tornar alvo de objetos espaciais em rota de colisão. Pelo menos ainda.

Pensando nisso, a Nasa revelou recentemente que trabalha num projeto audacioso para proteger a Terra. Antecipando-se ao perigo, a agência espacial dos EUA pretende prever as chances de colisão com o planeta. Para tanto, delineou cinco metas que incluem detecção aprimorada e modelagem computacional. O plano de proteção está descrito num documento de 20 páginas emitido pela Casa Branca. Nelas estão descritas as ações necessárias quando cometas e asteroides registrarem aproximação de 30 milhões de quilômetros da Terra. Segundo a Nasa, tais estratégias devem aumentar enormemente a prontidão dos EUA, que trabalhará com parceiros internacionais para impedir possíveis impactos com a Terra.

 

COMO A NASA PRETENDE AGIR NA PRÁTICA

A partir deste projeto, a Nasa espera poder desenvolver novas tecnologias para desviar asteroides. Também quer aumentar a cooperação internacional na criação de procedimentos de emergência para ameaças espaciais em potencial. Entre as estratégias já divulgadas pela agência consta a técnica de deflexão. Assim, a ideia é atingir um asteroide com um pêndulo cinético que possa bater no objeto espacial, alterando sua órbita.

De qualquer maneira, a Nasa afirma que, no momento, nenhum asteroide conhecido representa um perigo iminente. Até agora, 95% dos objetos espaciais já foram identificados e nenhum sugere uma ameaça neste século. Ainda segundo as informações da agência espacial, existem mais de 18.300 objetos, incluindo asteroides, catalogados em seu sistema. Pouco mais de 8 mil deles possui acima de 100 metros de diâmetro. Assim, ainda que as chances de colisão sejam realmente baixas, a Nasa quer estar preparada.

 

Ilustração: iStock/ratpack223
Categorias Drops