HPE Simplivity
Navigation
Topo

Eclipse lunar mais longo do século será visível do Brasil

Para os fãs de astronomia, esta última sexta-feira do mês de julho será histórica. Na verdade, para qualquer pessoa que goste de observar o céu, a ocasião promete ser uma atração à parte. Durante 105 minutos, será possível acompanhar o eclipse lunar total mais longo do século XXI. Visível da América do Sul, Europa, África, Ásia e Austrália, o fenômeno deve se iniciar às 16h30 (horário de Brasília). É possível, no entanto, que a luminosidade do fim do dia atrapalhe a visão do início do eclipse no Brasil. Mas o tom avermelhado que tomará conta da lua em seguida não deixará dúvidas sobre o espetáculo.

Para que ocorra um eclipse lunar é preciso que o sol, a Terra e a lua estejam alinhados. Dessa forma, o satélite natural é ocultado parcial ou totalmente pela sombra do planeta. E, em vez de atingi-lo diretamente, a luz do sol precisa antes atravessar a atmosfera terrestre. É esse fato que produz a coloração avermelhada na lua. Particularmente nesta sexta-feira (27), o eclipse lunar será mais longo em função de sua coincidência com o apogeu. Trata-se, portanto, da posição orbital da lua – que se encontrará no ponto mais afastado da Terra. Como consequência, o satélite também apresentará menor velocidade de trajetória.

 

LUA E MARTE DEVEM COLORIR O CÉU DURANTE ECLIPSE

Na mesma sexta-feira em que a lua apresentará seu mais longo eclipse total, Marte também estará mais visível no céu. Isso porque o planeta vermelho ocupará uma posição mais próxima da Terra. Em oposição à lua, Marte oferecerá as melhores condições de observação desde 2003. Aos brasileiros, resta torcer para que as condições do tempo estejam favoráveis nesta sexta-feira. Com poucas nuvens e boa visibilidade, será possível acompanhar todo o progresso do fenômeno. Caso a visão clara não se confirme, também é possível observar o eclipse pela internet, via streaming. O Virtual Telescope é um dos serviços que disponibilizará transmissão ao vivo, online e acima do deslumbrante horizonte de Roma.

 

Leia também:

Lua vai receber rede 4G para facilitar transmissões de vídeo

Nasa testa cimento espacial criado por estudantes brasileiros

Elon Musk quer usar foguetes em viagens longas entre países

 

Foto: iStock/GRAWLLF
Categorias Drops