HPE OneSphere
Navigation
Topo

Brinquedos tecnológicos: seis ideias para presentear crianças

Parte importante do desenvolvimento infantil, brincar estimula a imaginação e a criatividade das crianças. Assim, embora seja cultural, o fato de distinguir brinquedos entre meninas e meninos é algo que vem sendo rediscutido pela sociedade. Para alguns pesquisadores, tais questões da infância estão diretamente relacionadas às escolhas profissionais. Explicariam, por exemplo, por que a área de TI conta ainda com poucas representantes do sexo feminino. Se assim for, esta estatística poderá ser alterada pelas próximas gerações. Com o surgimento de inúmeros brinquedos tecnológicos, fica fácil despertar o interesse dos pequenos pelas mais diversas áreas do conhecimento. Sem distinções de gênero e idade. 

Pensando no Dia das Crianças que se aproxima, o Portal IT Management traz uma seleção para presentear aqueles que já “nascem conectados”. Entre as sugestões estão novidades e algumas versões repaginadas de brinquedos que fizeram sucesso no passado. Confira: 

 

VELHAS NOVIDADES: BRINQUEDOS TECNOLÓGICOS ATUALIZADOS 

Em comemoração aos seus 30 anos, a Tectoy traz de volta um dos maiores ícones de sua história. O Pense Bem foi marcante na infância de quem acompanhou o início da era digital no Brasil. Recentemente, o produto foi relançado no formato original, com seus tradicionais livros de atividades. Resta saber se a “velha novidade” exercerá o mesmo fascínio sobre as novas gerações… Afinal, os brinquedos tecnológicos dos anos 1990 contam com (muito) menos recursos que os atuais. 

Outro clássico do passado, o videogame Atari tem agora sua versão Flashback 7 produzida no Brasil – também pela Tectoy. O modelo remete ao lendário 2600 e traz 101 jogos na memória. Space Invaders, Frogger, Centipede, Combat, Breakout, Frogs & Flies, Asteroids, Fatal Run, Indy 500 e Yar’s Revenge estão entre eles. O console guarda semelhanças com o original, porém em formato um pouco menor, e inclui dois controles com fio. Em meio a uma onda “revival” que já trouxe de volta Mega Drive, Nintendinho e Super Nes, a aposta se justifica. É de se supor, realmente, que muitos pais encontrem no Atari uma nova forma de compartilhar momentos com os filhos. Desafio para os pequenos, nostalgia pura para os adultos! 

HÁ TAMBÉM OS CLÁSSICOS MODERNIZADOS

De sua parte, a empresa Techno Source inovou ao transformar o famoso Cubo Mágico no dispositivo eletrônico Rubik’s TouchCube. A versão atualizada do brinquedo conta com quadradinhos luminosos sensíveis ao toque. Em vez de girar um conjunto, basta tocar e sinalizar o movimento desejado para que as cores mudem de lugar. 

 

 

O carismático ursinho Teddy Ruxpin também está de volta, ampliando a lista dos novos brinquedos tecnológicos. Inteligente, fofinho e ainda mais mágico, Teddy segue contando suas histórias. Com recursos avançados, a nova versão do ursinho possui olhos de LCD com mais de 40 animações. A boca também se move em sincronia com a fala. E sensores de toque permitem controlar a história e as músicas. Teddy é também protagonista de um aplicativo gratuito em que as crianças podem ler e cantar com o personagem. No entanto, o app oficial é todo em inglês e funciona acompanhado do brinquedo, pode meio de conexão bluetooth. 

 

 

BRINCANDO COM O RACIOCÍNIO LÓGICO 

Indo além dos blocos de montar comuns, o Lego Mindstorms NXT 2.0 é um kit de robótica para crianças. A linha é composta por peças com processadores de 32 bits, sensores de luz, toque e som, além de portas USB e bluetooth. Um software proprietário também acompanha o brinquedo. Este é apenas um entre muitos exemplos de kits de robótica e programação já disponíveis no mercado. A linha Lego é utilizada inclusive com finalidade pedagógica em escolas, estimulando o raciocínio lógico e ajudando na organização. O brinquedo também incentiva o aprendizado de matemática, física e inglês. 

O Lego Boost é mais uma opção nesta linha de brinquedos tecnológicos. Ele ajuda crianças pequenas a dar vida a suas criações por meio da programação. O sistema WeDo, criado pela empresa, volta-se a crianças a partir dos sete anos de idade. A partir das instruções de um app gratuito, é possível montar cinco modelos diferentes de robô.  

 

 

Não dá, porém, para se falar de brinquedos tecnológicos sem homenagear um de seus precursores: o carrinho de controle remoto. Atualmente, com a chegada dos drones, o mercado já apresenta modelos que unem os dois sucessos. É o caso deste produto da Candide, que voa e também se desloca pelo solo, seguindo os comandos do “piloto”. Drones, aliás, são excelentes ferramentas para auxiliar no desenvolvimento da coordenação motora e da agilidade das crianças. 

 

 

E mesmo entre tantas opções de brinquedos tecnológicos que servem a ambos os sexos, a tradicional Barbie não perde espaço. Em sua versão Barbie Hologram, a icônica boneca da Mattel faz as vezes de assistente pessoal. Ela pode mudar de aparência, dançar, informar sobre o clima e até lembrar datas de aniversário, por exemplo. No entanto, ainda não há previsão de quando o modelo será vendido no Brasil.  

 
Fotos: 1. iStock/Allexxandar | 2 e 3 Tectoy/Divulgação | 3. Techno Source/Divulgação | 4. Amazon/Divulgação | 5 e 6 LEGO/Divulgação | 7. Mattel/Divulgação

Salvar

Categorias Lifestyle